Entre em contato conosco

(16) 99175-4266 | (16) 3011-9756

4 dicas para escolher o tema para uma festa infantil


Oh dúvida cruel! Boneca ou bailarina? Circo ou fazendinha? Safari ou futebol? De fato a escolha de tema de festinhas infantis é uma saga e, em meio a tantas opções disponíveis, os pais podem acabar perdidos e confusos diante das infinitas possibilidades. A boa notícia é que existem algumas estratégias que podem facilitar – e muito – essa escolha. Ficou curioso? Então vem com a gente!
 
Considere a faixa-etária da criança
 
O requisito básico para escolher a temática da festa infantil consiste em considerar a idade da criança. Antes dos 3 anos, a decisão do tema é uma exclusividade dos pais. No máximo, as avós e a decoradora podem dar um pitaco aqui e acolá. Mas o bater do martelo é sempre da mamãe ou do papai.
 
Na fase da primeira infância, o bacana é escolher temas mais lúdicos, que rendam boas fotos, agradem os convidados e combinem com o aniversariante. Para meninas, temas como bonecas, flores, cupcake e bichinhos (joaninha, abelha e borboleta) são praticamente infalíveis. Já para os meninos entre 1 e 2 anos, as temáticas mais recorrentes e bem sucedidas são a famosa fazendinha, safari e circo. Outra boa pedida é investir em temas que sirvam para ambos os sexos, como catavento, céu, pintando o 7 e pizzaria. A papelaria personalizada nesses temas mais alternativos fica um charme!
 
Dê voz ao seu filho
 
A partir dos 3 anos de idade, a tendência é que os aniversariantes comecem a escolher os temas de suas festas. Eles costumam decidir de acordo com os seus gostos pessoais e as suas vivências. Sendo assim, a afinidade com uma cor, um lugar ou um personagem podem ser determinantes para que a criança prefira um tema ao invés de outro.
 
Há casos também em que o sonhos infantis influenciam essa escolha. É o que ocorre com as meninas que sonham pelo menos por um dia se transformar em princesas. Também é o caso de meninos que querem ser pilotos, jogadores ou astronautas quando crescerem. Se o seu filho sinalizar a preferência por algum tema específico, dê asas e voz à imaginação dele. Ao acatar o tema (se for um tema plausível, é claro), o seu pimpolho vai ficar feliz, realizado e automaticamente vai curtir mais a festinha.
 
Seja original e criativo
 
Se você não gosta de nada comum, crie uma temática original e desenvolva o conceito da festa em cima desse tema. Atualmente não há muitas regras no universo das comemorações e, com uma dose de bom gosto e criatividade, é possível fazer uma festa linda com um tema inusitado. Não tenha medo de ousar! Apenas tome cuidado para não exagerar e acabar escolhendo um tema que não dialogue com a realidade da criança.
 
Fique por dentro das tendências
 
Se você escolher um tema que está em alta, talvez tenha que pagar um pouco mais caro pela festa, mas, por outro lado, encontrará os acessórios e elementos decorativos com mais facilidade. Como se não bastasse, optar por um tema tendência é sucesso garantido. As crianças adoram! Prova disso são os animados arraiás infantis nos períodos de festas juninas e também os aniversários com temas futebolísticos, embalados pelo clima da Copa do Mundo.